Anuncie aqui

Anuncie aqui

segunda-feira, 18 de março de 2019

Mortes por ciclone em Moçambique podem passar de mil, diz presidente

Presidente apresentou estimativa após sobrevoar áreas atingidas

Mortes por ciclone em Moçambique podem passar de mil, diz presidente
📷 © REUTERS / Philimon Bulawayo
O presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, disse nesta segunda-feira (18) que o número de mortos na passagem do ciclone Idai pode ser superior a mil. Até o momento, o país contabiliza 192 vítimas em função do fenômeno natural, que também atingiu Malauí e Zimbábue.

"Parece que podemos registrar mais de mil mortes", disse o mandatário à estatal Rádio Moçambique, após ter sobrevoado os arredores do porto de Beira e visto os efeitos das inundações. "As águas dos rios Pungue e Buzi transbordaram, fazendo vilarejos inteiros desaparecerem e isolando comunidades. Corpos estão boiando", afirmou Nyusi.

A Cruz Vermelha estima que 90% da cidade de Beira, que tem 500 mil habitantes, foi danificada ou destruída. O ciclone atingiu a costa de Moçambique no fim da semana passada e depois seguiu em direção a Malauí e Zimbábue, no sul da África. A passagem de Idai pelos três países já contabiliza 215 vítimas. (ANSA)


POR ANSA
Via: Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário