Ouça a Nossa Web Radio

Anuncie aqui

Anuncie aqui

domingo, 7 de janeiro de 2018

Mulher sofre queimaduras em parte do corpo durante briga na Zona Oeste do Recife

Viviane Ferreira da Silva, 30 anos, deu entrada no Hospital da Restauração (HR), na área central da capital, neste sábado (6). A vítima informou que a rival jogou álcool nela e depois tocou fogo.

Hospital da Restauração fica no bairro do Derby, na área central do Recife (Foto: Marina Meireles/G1)
Uma mulher sofreu queimaduras em parte do corpo, na manhã deste sábado (6), no bairro da Mustardinha, na Zona Oeste do Recife. De acordo com a Polícia Civil, Viviane Ferreira da Silva, de 30 anos, informou que estava bebendo com outra mulher, identificada como Maga, quando as duas começaram a brigar. O caso está sendo investigado como tentativa de homicídio.

O crime ocorreu, segundo relatos da vítima, perto da Praça do Abrigo. Durante depoimento, Viviane contou que a rival atirou álcool nela e depois tocou fogo. A vítima ficou com marcas de queimaduras espalhadas pelo corpo.

Viviane recebeu os primeiros socorros na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira, na Zona Sul da capital pernambucana. Em seguida, foi transferida para a Unidade de Queimados do Hospital da Restauração (HR), no Derby, na área central da cidade.

O caso foi registrado pela delegada Vilaneida Aguiar, que estava de plantão da Força-Tarefa de Homicídios. Ele será repassado para a 4ª Delegacia de Polícia de Homicídios.

Outros casos

Em outubro de 2017, um morador de rua, de 33 anos, teve o corpo queimado, no bairro de Santo Amaro, área central do Recife. De acordo com o posto policial do Hospital da Restauração (HR), para onde a vítima foi levada, o homem relatou que outro morador de rua teria ateado fogo enquanto ele dormia, após uma desavença por causa de dinheiro.

Em junho do ano passado, um caso semelhante aconteceu na Zona Sul do Recife. Um morador de rua, de 54 anos, teve o corpo queimado na beira-mar de Boa Viagem. Ele morreu seis dias depois do crime, no Hospital da Restauração (HR).


Por G1 PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário