Anuncie aqui

Anuncie aqui

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Vocalista do Raça Negra é alvo de críticas ao se pronunciar sobre abuso sexual

[Vocalista do Raça Negra é alvo de críticas ao se pronunciar sobre abuso sexual ]
Foto: Reprodução/Twitter
O vocalista do Raça Negra, Luiz Carlos, foi alvo de críticas ao se pronunciar sobre abuso sexual infantil no Encontro, programa de Fátima Bernardes, desta quinta-feira (14). 

Entre os convidados do programa estavam a atriz Julia Lemmertz, Luiz Carlos e a especialista em educação sexual Caroline Arcari. O cantor falou que os pais devem prestar atenção na roupa que as filhas vestem para evitar abusos.  "A mulher sempre foi mais avançada do que o homem e hoje você vê uma menina de 12 anos que já quer se portar como uma mulher, mas ela é uma criança", completou. 

‘’A gente tem que prestar atenção também na roupa. Falar 'minha filha, não achei legal essa roupa. Você vai para a escola assim?'. De repente, pela maluquice dele [do abusador], ele acha que aquele comportamento daquela menina, de se vestir e se arrumar como a mãe", disse Luiz, que foi interrompido por Fátima Bernardes e pelos convidados, que afirmaram que a mulher tem liberdade para usar a roupa que quiser e que isso não justifica o abuso. 

O cantor insistiu afirmando que os responsáveis teriam que evitar que a menina se vista com uma roupa ‘’inadequada’’, justificando que o menino não corre tanto risco por não chamar atenção. 

Logo após, a psicóloga declarou que a roupa da menina não justifica o assédio. Fátima finalizou dizendo que na Índia, mesmo com o uso da burca – roupa que cobre todo o corpo, as mulheres ainda são estupradas e assediadas. Reforçando a informação que a culpa nunca é da vítima e atitudes como estupro e assédio não são justificáveis. 


Por Redação Bocão News

Nenhum comentário:

Postar um comentário