Anuncie aqui

Anuncie aqui

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Ambulantes dormem em fila para conseguir vaga para trabalhar no carnaval de Olinda

Cadastramento começa às 8h desta quarta-feira (8). Muita gente chegou ao pátio da Igreja de Guadalupe quando ainda estava escuro para conseguir uma ficha.

Candidatos madrugaram para garantir ficha de inscrição (Foto: Elvys Lopes/TV Globo)

Prefeitura de Olinda, no Grande Recife, dá início, nesta quarta-feira (8), ao processo de seleção para ambulantes que pretendem trabalhar na cidade durante o carnaval de 2017. O cadastramento começa às 8h, mas muita gente madrugou para conseguir um bom lugar na fila. Ainda estava escuro quando candidatos começaram a se reunir na frente do pátio da Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe, no Sítio Histórico.

Teve gente que levou cadeiras e até colchões para marcar o lugar. Candidatos optaram por dormir no local para tentar garantir a vaga. De acordo com informações postadas no site da Prefeitura de Olinda, os interessados devem levar identidade, CPF, comprovante de residência e foto 3x4.

Nesta quarta, na quinta e na sexta, o cadastramento será feito até as 13h30. Serão disponibilizadas 100 fichas. No sábado (11), o serviço funciona das 8h às 17h e vão ser oferecidas 300 oportunidades. Na segunda-feira (13) e terça-feira (14), o atendimento volta a funcionar das 8h às 13h30, mas serão distribuídas 150 fichas.

Segundo o secretário de Meio Ambiente Urbano e Rural, André Botelho, para confirmar o cadastramento é preciso que os ambulantes façam a inscrição e paguem uma taxa. O processo só é efetivado quando o comerciante preencher as informações, e depois efetuar o pagamento.

O valor vai depender do tipo de comércio. Após essa etapa, a pessoa deve voltar ao pátio da Igreja de Guadalupe para pegar documentação de confirmação do cadastramento.

Com o registro em mãos, os ambulantes vão poder comercializar os produtos nas barracas das ruas do Sítio Histórico de Olinda. O período vai do dia 20 de fevereiro até a Quarta-Feira de cinzas, dia 1º de março.


Por G1 PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário