Anuncie aqui

Anuncie aqui

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

ESPORTE: Time de facção do Norte teve registro na CBF e jogou Série A

Manaus Compensação Esporte Clube foi usado para lavar dinheiro da Família do Norte

Foto: Reprodução

Após vencer um dos principais torneios amadores do Brasil, o Peladão, em 2009, o Manaus Compensação Esporte Clube passou por todos os trâmites necessários a fim de chegar ao profissionalismo. Entre eles, registro na Junta Comercial do Amazonas, na Federação Amazonense de Futebol e na CBF.

O que diferenciava o Compensação de outros clubes era a ligação, segundo a polícia, com a Família do Norte (FDN), facção supostamente responsável pela morte de 56 detentos em um presídio de Manaus no último dia 1º. As informações são do jornalista Marcel Rizzo.

Em 2010, a equipe jogou dez partidas na Série B do Amazonense, ganhou sete, empatou uma, perdeu duas e conseguiu o acesso à Série A . No mesmo ano, entretanto, o time sofreu com a escassez de dinheiro devido à prisão de "Zé Roberto da Compensa", chefe da FDN. Resultado: na primeira divisão, o Compensação ficou apenas na oitava colocação, a uma do rebaixamento. Em 2011, o time pediu licença da Federação Amazonense e acabou rebaixado.

Ainda de acordo com Rizzo, a comprovação da ligação do clube com o tráfico conseguiu ser feita apenas em 2015, quando a polícia reuniu provas suficientes para mostrar que ao menos R$ 320 mil haviam sidos investidos na equipe para fins de lavagem de dinheiro.


POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário