Anuncie aqui

Anuncie aqui

segunda-feira, 18 de março de 2019

Projeto Patrulha de Heróis homenageia PMs da reserva de Petrolândia, Tacaratu, Jatobá e Inajá


Um projeto pioneiro no país tem feito a diferença para policiais militares da reserva remunerada e reformados de Petrolândia, Tacaratu, Jatobá e Inajá. O Patrulha dos Heróis, diariamente, visita esses militares que dedicaram a vida à segurança da sociedade pernambucana.

As visitas são feitas com o objetivo de homenagear os PMs pelos relevantes serviços prestados à população. Elas são realizadas pelo efetivo da 4ªCIPM, sediada em Petrolândia. “É um justo e merecido reconhecimento como verdadeiros heróis que arriscaram suas próprias vidas para salvar, muitas vezes, as vidas de desconhecidos”, afirmou o subcomandante da 4ªCIPM, major Gláucio Rezende. Já o comandante, tenente coronel Alexino Almeida, fez questão de reforçar a necessidade de manter os laços com esses homens e mulheres que tanto doaram de suas vidas pela paz e tranquilidade de muitas pessoas.

A atitude é uma forma de valorizar os policiais e mostrar que esses heróis não foram esquecidos pela Corporação. O projeto tem deixado os homenageados felizes ao serem lembrados que fazem parte da história da Polícia Militar de Pernambuco.




Por Assessoria da Polícia Militar de Pernambuco/Fotos: Divulgação
Via: Blog Petrolândia Notícias

Professores e funcionários voltam à escola alvo de massacre em Suzano

Alunos serão recebidos nesta terça-feira com atividades de acolhimento

Um aluno é recebido durante o dia de reabertura da escola, após o tiroteio na escola Raul Brasil em Suzano, São Paulo, Brasil 18 de março de 2019.
Escola Raul Brasil reabre as portas para professores e funcionários após massacre - 📷 Ueslei Marcelino/Reuters/Direitos reservados
Funcionários e professores da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, foram recebidos hoje (18) por equipe multidisciplinar para apoio psicológico. Na terça-feira (19), as atividades serão destinadas aos alunos. O funcionamento da escola estava suspenso desde a última quarta-feira (13), quando dois ex-alunos, de 17 e 25 anos, entraram na escola encapuzados e armados, promovendo um ataque que resultou na morte de oito pessoas. Os atiradores se mataram após a ação.

Cerca de 30 professores e dez funcionários de diversas áreas foram até a escola voluntariamente na manhã desta segunda para participar das atividades de acolhimento, com objetivo de ajudar na superação dos traumas causados pelo atentado.

Neste momento, as dinâmicas propostas vão desde atendimento psicológico individual e coletivo até rodas de conversa. “O objetivo é criar entre os profissionais uma rede de apoio e cuidado mútuo, e ajudar os envolvidos a lidar com a dor da perda”, informou a Secretaria de Estado da Educação.

O trabalho foi desenvolvido por equipes especializadas dos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) da prefeitura de Suzano, da Universidade de São Paulo (USP), de outras instituições, além de profissionais das secretarias estaduais de Educação, Justiça e PGE.

Os alunos são vistos durante um dia de reabertura da escola, após o tiroteio na escola Raul Brasil em Suzano, SP, 18 de março de 2019.
Alunos serão recebidos nesta terça-feira com atividades de acolhimento - 📷 Ueslei Marcelino/Reuters/Direitos reservados
Estudantes

Amanhã (19), o atendimento prioritário será para os alunos da unidade de ensino. Nesta segunda-feira, alguns estudantes passaram na escola para buscar pertences pessoais deixados para trás no momento da tragédia.

Alunos e profissionais de outras escolas estaduais, como da unidade Jandyra Vieira Cunha Barra, preparam cartazes com desenhos e cartas com mensagens de paz, amor, esperança, união, como forma de acolher os que voltarão a frequentar a Escola Raul Brasil.


Edição: Carolina Pimentel
Camila Boehm – Repórter
Por Agência Brasil

Mortes por ciclone em Moçambique podem passar de mil, diz presidente

Presidente apresentou estimativa após sobrevoar áreas atingidas

Mortes por ciclone em Moçambique podem passar de mil, diz presidente
📷 © REUTERS / Philimon Bulawayo
O presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, disse nesta segunda-feira (18) que o número de mortos na passagem do ciclone Idai pode ser superior a mil. Até o momento, o país contabiliza 192 vítimas em função do fenômeno natural, que também atingiu Malauí e Zimbábue.

"Parece que podemos registrar mais de mil mortes", disse o mandatário à estatal Rádio Moçambique, após ter sobrevoado os arredores do porto de Beira e visto os efeitos das inundações. "As águas dos rios Pungue e Buzi transbordaram, fazendo vilarejos inteiros desaparecerem e isolando comunidades. Corpos estão boiando", afirmou Nyusi.

A Cruz Vermelha estima que 90% da cidade de Beira, que tem 500 mil habitantes, foi danificada ou destruída. O ciclone atingiu a costa de Moçambique no fim da semana passada e depois seguiu em direção a Malauí e Zimbábue, no sul da África. A passagem de Idai pelos três países já contabiliza 215 vítimas. (ANSA)


POR ANSA
Via: Notícias ao Minuto

quarta-feira, 13 de março de 2019

Quatro carros se envolvem em acidente causado por animal na pista na BR-324

📷 RecordTV Itapoan/Reprodução
Quatro carros se envolveram em um acidente na BR-324, na altura de Simões Filho, na madrugada desta quarta-feira (13).

De acordo com a Via Bahia, empresa que administra a estrada, o acidente ocorreu no sentido Feira de Santana na altura do quilômetro 600 e teve que interditar a faixa da esquerda.

Segundo informações da RecordTV Itapoan, o acidente teria sido causado por um animal na pista.


Antes disso, por volta de 3h, um outro acidente foi registrado no quilômetro 623, em Salvador, no sentido Feira de Santana.


Por BNews

terça-feira, 12 de março de 2019

Prefeitura de Petrolândia - PE divulga lista de contemplados pelas "Unidades Habitacionais" do Minha Casa Minha Vida


A Prefeitura Municipal de Petrolândia, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Cidadania e Juventude, no uso de suas atribuições legais, divulga edital da lista de candidatos sorteados por grupo de hierarquização das unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV) nos empreendimentos residenciais Doutor Francisco Simões de Lima I e II.

VEJA A LISTA AQUI


Via: Blog Sertão News Petrolândia

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Médicos de Hospital Regional ameaçam pedir demissão em massa, no Sertão de Pernambuco

 📷 Foto: Reprodução do Blog Alvinho Patriota
Sem receber salários desde o final de 2018, os médicos que atuam no Hospital Regional Fernando Bezerra (HRFB), em Ouricuri, ameaçam pedir demissão coletiva. Eles foram contratados sob o regime PJ (Pessoa Jurídica), por isso precisam arcar com todos os encargos para execução do serviço. O aviso da possível demissão em massa está espalhado em cartazes pelo centro da cidade.

Atento à grave situação, o diretor regional do Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe), Alexandre Lage, informou que a entidade está auxiliando os profissionais do HRFB e tem buscado intermediar as negociações com a Santa Casa de Misericórdia do Recife – responsável pela administração do hospital – e o Governo de Pernambuco. A população espera que a questão seja resolvida.

Blog Alvinho Patriota
Via Blog do Elvis

Ninho do Urubu está fechado até regularização de pendências

As únicas pessoas autorizadas a acessar o interior do CT são os operários de uma obra que ocorre no local

Ninho do Urubu está fechado até regularização de pendências
© Reuters
A prefeitura do Rio de Janeiro informou hoje (27) que as portas do Centro de Treinamento Ninho do Urubu, do Flamengo, foram lacradas e só serão reabertas quando as pendências referentes ao alvará de licença do estabelecimento e ao habite-se forem regularizadas. A permanência e uso das instalações por atletas e funcionários está, portanto, impedida, de acordo com a prefeitura.

As únicas pessoas autorizadas a acessar o interior do CT são os operários de uma obra que ocorre no local. Para garantir o cumprimento da interdição, a prefeitura manterá uma equipe de guardas municipais em frente ao local.

De acordo com a prefeitura, o fechamento do CT segue recomendação do Ministério Público estadual. A interdição é, na verdade, uma reedição da decisão tomada em outubro de 2017. O edital daquele ano foi inclusive novamente afixado na porta do Ninho do Urubu.

Um incêndio ocorrido na madrugada de 8 de fevereiro atingiu o alojamento do time de base do Flamengo, matando dez atletas e ferindo outros três.

Segundo a prefeitura, a interdição de 2017 não vinha sendo seguida pelo clube, que alegou que estava buscando solucionar as pendências. Desta vez, a prefeitura contou com o apoio do Ministério Público estadual, que também pediu a interdição do local à Justiça na semana passada.

De acordo com a prefeitura, 32 multas já foram aplicadas ao CT. A última delas, em 12 de fevereiro, foi dada porque o clube estaria executando obras divergentes do projeto aprovado.

A área incendiada, segundo a prefeitura, não consta como destinação de alojamento em quaisquer dos projetos aprovados pela Secretaria de Urbanismo.

No último dia 15, o “Flamengo apresentou à Secretaria de Urbanismo um novo projeto para análise, solicitando nova licença para modificação de projeto aprovado. O clube também se comprometeu em demolir todas as construções irregulares. A nova licença de obras foi expedida pela SMU no último dia 19 e tem validade de 12 meses”, diz a nota da prefeitura.

Apesar do pedido de interdição pelo MP, a Justiça deu, dia 21 de fevereiro, prazo de cinco dias úteis para que o clube apresentasse sua defesa. Com informações da Agência Brasil.


POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Taxa de desemprego volta a crescer depois de duas quedas consecutivas

Com a alta, a população desocupada passou a 12,7 milhões

Carteira de trabalho
📷 Marcello Casal/Arquivo/Agência Brasil
Influenciada pela sazonalidade de início do ano, a taxa de desocupação do país voltou a crescer depois de duas quedas consecutivas e fechou o trimestre móvel encerrado em janeiro em 12%, resultado 0,3 ponto percentual superior aos 11,7% relativos ao trimestre encerrado em outubro do ano passado. Com a alta, a população desocupada passou a 12,7 milhões – crescimento de 2,6% (mais 318 mil pessoas) frente ao trimestre agosto a outubro de 2018.

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) e foram divulgados hoje (27), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação ao trimestre móvel de novembro de 2017 a janeiro de 2018 (12,2%), o quadro foi de estabilidade.

A subutilização da força de trabalho ficou em 24,3% no período, somando 27,5 milhões de pessoas. Na avaliação do coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, Cimar Azeredo, a alta foi provocada pela sazonalidade comum a esta época do ano.

“Com a entrada do mês de janeiro, houve um aumento da taxa de desocupação. É algo sazonal, é comum a taxa aumentar nessa época do ano por causa da diminuição da ocupação, explicou.

Mesmo com o fator sazonalidade, o coordenador do IBGE destacou o fato de que este trimestre fechado em janeiro foi “menos favorável” que os mesmos períodos de 2018 e 2017. “Ano passado houve estabilidade na população ocupada e na desocupada, enquanto, neste ano, cresceu o número de desocupados”.

População ocupada cai

Os dados da Pnad Contínua indicam que a população ocupada do país fechou o trimestre encerrado em janeiro deste ano em 92,5 milhões, registrando uma queda de 0,4% (menos 354 mil pessoas) em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2018, mas cresceu 0,9% (mais 846 mil pessoas) em relação ao trimestre de novembro de 2017 a janeiro de 2018.

A taxa de subtilização da força de trabalho fechou em 24,3% no trimestre encerrado em janeiro deste ano, apresentando estabilidade em relação aos 24.1% do trimestre anterior. Em relação ao mesmo trimestre móvel do ano anterior (23,9%), houve aumento de 0,4 ponto percentual.

A população subutilizada ao fechar em 27,5 milhões, ficou estável em relação aos 27,3 milhões do trimestre de agosto a outubro de 2018, embora tenha crescido 2,5% em relação às 26,8 milhões de pessoas que encontravam-se subutilizadas no mesmo trimestre de 2017 – mais 671 mil pessoas.

Os dados indicam que o número de pessoas desalentadas (4,7 milhões) ficou estável em relação ao trimestre agosto a outubro de 2018, mas subiu 6,7% em relação ao mesmo trimestre móvel do ano anterior (4,4 milhões).

Carteira de Trabalho

Outra constatação importante relativa à Pnad Contínua diz respeito ao comportamento do percentual dos trabalhadores com e sem carteira assinada, que ficou estável em ambas as comparações.

Segundo o IBGE, o número de empregados no setor privado com carteira assinada (exclusive trabalhadores domésticos) foi 32,9 milhões de pessoas. Já o número de empregados sem carteira assinada caiu 2,8% para 11,3 milhões, na comparação com o trimestre anterior (menos 321 mil pessoas). Em relação ao mesmo trimestre de 2017, no entanto, este percentual subiu 2,9%, um adicional de 320 mil pessoas.

“Tivemos queda no contingente de empregados do setor privado e no setor público. No primeiro, isso atingiu, principalmente, os trabalhadores sem carteira assinada. Apesar disso, a informalidade aumentou ainda mais, com influência do crescimento dos trabalhadores por conta própria”, diz Cimar.

Por outro lado, o rendimento médio real habitual do trabalhador, que era de R$ 2.270, no trimestre encerrado em janeiro, cresceu 1,4% frente ao trimestre anterior, quando esse valor era de R$ 2.240, e ficou estável em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

“Houve aumento significativo no rendimento, mas esse aumento não se traduz em aumento na massa de rendimento, de R$ 205 bilhões, que se manteve estável, porque também houve queda na população ocupada. Isso pode ter sido causado por uma queda na ocupação justamente entre os trabalhadores de remuneração mais baixa, o que justificaria isso”, conclui Cimar.


Edição: Valéria Aguiar
Nielmar de Oliveira - Repórter 
Por Agência Brasil

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

A Associação Ponto do Bem Hildebrando Capistrano em Petrolândia-PE, homenageia a professora 'Rosa Anália Lopes Feitosa' como a 'PROFESSORA DO MÊS DE JANEIRO DE 2019'


Professora Rosa Anália Lopes Feitosa. Casada com Eguinaldo Feitosa, há 34 anos. dois filhos: Júnior e Filipi, e três netas.

Rosa Anália, esposo e filhos
Professora efetiva da rede municipal há 16 anos, onde começou a lecionar na Educação Infantil na "Escola Municipal Vinícius de Moraes" (Petrolândia - PE) durante 3 anos, e está há 13 anos no Ensino fundamental "1", na "Escola Mucicipal 1º De Maio".

A qual a professora considera: "a minha segunda casa"! [disse a professora]

Relato de Rosa Anália

Minha inspiração para o Magistério se deu na infância, admirada com a maneira de ensinar da minha prof Enides Nair de Sá (Dona Nidinha). Desejava no meu coração ser uma professora igual à ela.

Aí está a influência que um professor têm  sobre o aluno! Penso sempre nisso! Sinto-me realizada, vejo a minha profissão como missão. Missão de amar e transformar vidas!

Rosa Anália e Equipe da Escola Mul. 1º de Maio 

Minha pedagogia é: "Ensinar e aprender  por amor". Também acredito em parcerias. Na escola onde tenho total apoio da direção e dos colegas; dos pais. Que graças a Deus sempre confiam e me apoiam em tudo e, principalmente do Deus Criador. Ele que sonhou comigo primeiro; Ele que me entrega essas crianças a cada ano. "Por isso e tudo mais devo agradecê-lo e honra-lo enquanto eu viver!"









Base de texto/Fotos: Ponto do Bem
Por Blog Sertão News Petrolândia

MC Loma retoma carreira e lança 'Malévola' como aposta de hit para o carnaval 2019

Clipe gravado em Pernambuco, junto com as Gêmeas Lacração, foi lançado no domingo (24) e atingiu 2,5 milhões de visualizações no YouTube em 12 horas.

MC Loma retoma a carreira com o clipe 'Malévola' — Foto: Reprodução/YouTube
MC Loma retoma a carreira com o clipe 'Malévola' — 📷 Reprodução/YouTube
"As definições de hit foram atualizadas": é com essa frase que MC Loma e as Gêmeas Lacração, Mirella e Mariely Santos, retomam a carreira, com o lançamento da música "Malévola", proposta de hit para o carnaval 2019.

O clipe foi lançado no domingo (24) e, em 12 horas, contava com mais de 2,5 milhões de visualizações no YouTube. A canção faz referência à Malévola, vilã da Disney.

O trio, que estourou no carnaval de 2018 com o hit "Envolvimento", estava sem fazer shows ou lançar novas canções desde agosto do ano passado, quando a cantora de 15 anos foi impedida de se apresentar por não estar matriculada na escola.

Depois de voltar a estudar, Loma processou o empresário Marcelo Fernandes, dono da produtora Start Music, que gerenciava a carreira do trio, por receber R$ 3 mil em shows que pagavam R$ 20 mil de cachê.


A volta do trio veio com um clipe que traz imagens aéreas do litoral, paredão de som e grupo de dançarinos. O vídeo inicia com uma "reencenação" do começo do clipe de "Envolvimento", quando MC Loma pede uma carona. Dessa vez, a bicicleta dá lugar a uma BMW, carro de luxo. (Veja vídeo acima)

A canção, escrita por Mirela Santos, fala de jogo de sedução. "Eu já falei para você não se apaixonar / Eu não sou flor que se cheire posso te fazer pirar/ Avisei para você que não sou a Chapeuzinho / Dessa pequena história, tu só sabe um trechinho", canta MC Loma na música.

MC Loma e as Gêmeas Lacração no clipe 'Malévola' — Foto: Reprodução/YouTube
MC Loma e as Gêmeas Lacração no clipe 'Malévola' — 📷 Reprodução/YouTube
O clipe foi gravado em Pernambuco, assim como o primeiro sucesso do trio, que alcançou o topo da parada mundial de músicas virais no ano passado.

O lançamento foi celebrado pelo trio, familiares e amigos na rua em que moram, no município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Pelo Instagram, elas compartilharam momentos da festa na rua, com direito a fogos, telão para assistir ao clipe e muita dança.

MC Loma e as Gêmeas Lacração comemoraram lançamento do clipe de Malévola com festa na rua de casa — Foto: Reprodução/Instagram
MC Loma e as Gêmeas Lacração comemoraram lançamento do clipe de Malévola com festa na rua de casa — 📷 Reprodução/Instagram
Confira a letra completa de 'Malévola'

As definições de hits foram atualizadas, papai

E aí, DJ Dubai, escama só de peixe. Uaaaaai... "cebruthius"!

Ai que vontade de chorar

Bem provável que eu faça assim

Te deixando louco gamado em mim

Bem provável que eu faça assim

Te deixando "gamadin"

Eu já falei para você não se apaixonar

Eu não sou flor que se cheire, posso te fazer pirar

Avisei para você que não sou a Chapeuzinho

Dessa pequena história, tu só sabe um trechinho

Eu sou Malévola e vou te fazer pirar

Eu sou Malévola e posso te enfeitiçar

Eu sou Malévola, minhas asas vem cortar

Eu sou Malévola, Malévola (2x)

Vou te, vou te, vou te fazer pirar (3x)

E posso te enfeitiçar

Ei, DJ Dubai, na moral mesmo

Acelera aí que vou mandar

Aquele passinho maroto

Aquele passinho bem malicioso

Essa aqui é hit então não se engane

E "tame" (20x)

Menino, "oia" esse toquinho

Na moral, na moral

Deixa eu falar aqui "pá" tu

Tocou no meu coração de um jeito


Por Thamires Oliveira, G1 PE

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Ministério Público Federal convoca reunião para discutir Barragem de Jucazinho

📷 Arquivo
Acontecerá na próxima segunda (18), encontro para tratar do andamento das obras de recuperação e adequação da Barragem de Jucazinho, localizada em Surubim. A reunião acontece após convocação do Ministério Público Federal (MPF), em Caruaru.

Entre outras coisas, estará em pauta também a situação do reservatório e as previsões para a região.

Devem estar presentes, representantes do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs), Secretaria de Controle Externo do Tribunal de Contas da União (TCU) em Pernambuco e Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Representantes das empresas envolvidas na obra também foram convocadas pelo MPF.


Por Blog do Ney Lima

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero em São Paulo

Piloto da aeronave também não sobreviveu

ricardo_boechat
📷 Reprodução/Band TV
O jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos, morreu na queda de um helicóptero no início da tarde de hoje (11) em um dos acessos da Rodovia Anhanguera, que liga a capital paulista, ao interior. Segundo o Corpo de Bombeiros, o piloto da aeronave, Ronaldo Quatrucci, também morreu carbonizado.

Boechat era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM e tinha uma coluna semanal na revista ISTOÉ.

O motorista de um caminhão atingido no acidente foi resgatado pelo serviço da concessionária que administra a via. O fogo no local já foi extinto.

Os destroços de um helicóptero e um caminhão que caíram são vistos na rodovia Anhanguera, em São Paulo
Destroços de helicóptero e o caminhão atingido pela aeronave, na Rodovia Anhanguera -📷 Reuters/Nacho Doce/Dieitos Reservados
O jornalista nasceu em Buenos Aires, na Argentina, quando o pai Dalton Boechat, diplomata, estava a serviço do Ministério das Relações Exteriores. Dono de um humor ácido, usava essa característica para noticiar fatos e criticar situações. O tom era frequente nos comentários de rádio, televisão e também na imprensa escrita.

Políticos, magistrados e organizações vieram a público para lamentar a morte do jornalista. 

Boechat deixa mulher, cinco filhas e um filho.


Edição: Juliana Andrade
Daniel Mello - Repórter 
Por Agência Brasil

sábado, 2 de fevereiro de 2019

Incêndio de grandes proporções atinge serra em Jacobina

[Incêndio de grandes proporções atinge serra em Jacobina]
📷 Divulgação/Secretaria de Meio Ambiente
Um incêndio de grandes proporções atingiu uma região de serra em Jacobina nesta semana. A suspeita é que tenha sido criminoso. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, uma área similar a 40 campos de futebol já foi destruída.

As chamas começaram na segunda-feira (28) e, até sexta (1º), não tinham sido controladas. Estão trabalhando no local bombeiros, brigadistas, voluntários e funcionários da Secretaria de Meio Ambiente e do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Um avião chegou na cidade na sexta-feira para ajudar no combate ao incêndio.


Por BNews

Raquel Dodge cria força-tarefa para investigar rompimento de barragem

Investigação sobre tragédia ocorrerá nas esferas cível e criminal

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, durante o III Fórum Jurídico, realizado pela Escola de Magistratura Federal da 1a Região.
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, cria força-tarefa para investigar rompimento de barragem em Brumadinho (MG) - Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, designou nove integrantes do Ministério Público Federal (MPF) para atuar em Brumadinho. O grupo formará uma força-tarefa para investigar as causas e responsabilidades do rompimento da Barragem 1 da Mina do Córrego do Feijão, da mineradora Vale, no município mineiro. O colapso ocorreu no dia 25 de janeiro. Até o momento, são 115 mortes confirmadas e 248 desaparecidos.

A força-tarefa atuará por seis meses e as investigações serão conduzidas tanto na esfera cível quanto na criminal.

Os membros designados são: Helder Magno da Silva, Edmundo Antônio Dias Netto Júnior, Flávia Cristina Tavares Torres, Leonardo Andrade Macedo, Paulo Henrique Camargos Trazzi, Malê de Aragão Frazão, Jorge Munhós de Souza e Edilson Vitorelli Diniz Lima. O coordenador do grupo será o procurador da República José Adércio Leite Sampaio, que já atua em uma força-tarefa que investiga o rompimento da barragem em Mariana, ocorrido em 2015.

Raquel Dodge já havia designado peritos para acompanhar os desdobramentos dos fatos na região. O chefe da Assessoria Nacional de Perícia em Meio Ambiente do Ministério Público Federal (MPF), Murilo Lustosa, foi o nome indicado pela procuradora-geral da República.

Deputados também investigam

A Câmara dos Deputados criou uma comissão externa de parlamentares, em janeiro, para acompanhar as investigações e os desdobramentos do rompimento da barragem. O grupo composto por 15 integrantes será coordenado pelo deputado Zé Silva (SD-MG).

A criação do grupo foi publicada esta semana no Diário da Câmara. As atividades não terão ônus para a Casa. Existe ainda a possibilidade da criação de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI), formada tanto por deputados quanto por senadores, para apurar as responsabilidades sobre o rompimento da barragem.


Edição: Lílian Beraldo
Marcelo Brandão – Repórter 
Por Agência Brasil

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Marco Aurélio decide hoje sobre investigação contra Flávio Bolsonaro

Supremo retorna aos trabalhos nesta sexta (1º) depois de um período de 40 dias de recesso

Marco Aurélio decide hoje sobre investigação contra Flávio Bolsonaro
© Ueslei Marcelino / Reuters
O Supremo Tribunal Federal (STF) retorna nesta sexta-feira (1º) aos trabalhos, depois de um período de 40 dias de recesso. É também para hoje que está prevista, de acordo com o blog da Andreia Sadi, no portal G1, a decisão do ministro Marco Aurélio Mello sobre a suspensão da investigação contra o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL). 

Flávio é alvo do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ), após o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) ter constatado movimentações financeiras atípicas envolvendo suas contas bancárias e as de seu ex-assessor Fabricio Queiroz.

O inquérito, no entanto, acabou suspenso, no dia 17 de janeiro, pelo ministro Luiz Fux, responsável pelo plantão no Supremo durante o recesso. A decisão ocorreu após uma reclamação protocolada na Corte pela defesa de Flávio Bolsonaro.

No pedido, os advogados dele solicitaram a anulação de provas colhidas durante a apuração, sob argumentação de que o Ministério Público havia solicitado acesso a dados fiscais e bancários de natureza sigilosa diretamente ao Coaf, “sem qualquer crivo judicial”, o que seria inconstitucional.

A defesa alegou, ainda, ter havido ainda “usurpação de competência do Supremo Tribunal Federal”, pois os dados solicitados pelo MP-RJ abrangem período posterior à eleição de Flávio como senador, quando ele já estaria protegido pelo foro por prerrogativa de função.

Na decisão, Fux entendeu que ao se tornar senador, Flávio Bolsonaro adquire foro privilegiado, e por isso seria melhor esperar a definição pelo STF sobre qual instância deve ser responsável por conduzir as investigações.

Responsável pelo procedimento de investigação criminal sobre o caso, o Ministério Público do Rio de Janeiro disse, à época, por meio de nota, que “pelo fato de o procedimento tramitar sob absoluto sigilo, reiterado na decisão do STF, o MP-RJ não se manifestará sobre o mérito da decisão.”

Em entrevista, há cerca de 15 dias, Marco Aurélio indicou que deveria rejeitar o pedido da defesa do senador eleito. “O Supremo não pode variar, dando um no cravo outro na ferradura. Processo não tem capa, tem conteúdo. Tenho negado seguimento a reclamações assim, remetendo ao lixo”, afirmou o ministro.


POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Petrolândia: Acidente é registrado no trevo de acesso a Tacaratu, na BR-110, na manhã desta sexta (1º)


Um veículo Fiesta, com placa de Paulo Afonso (BA), se chocou com um caminhão, com placa de Linhares (ES)  na pista na BR-110, em Petrolândia, no trevo de acesso ao município de Tacaratu, na manhã desta sexta-feira (1º).

Segundo informações enviadas a Redação do Blog de Assis Ramalho, por meio WhatsApp, o veículo pequeno vinha de Tacaratu, no sentido Paulo Afonso, quando aconteceu o acidente.


Ainda segundo as mesmas informações, o motivo do acidente - possivelmente - teria sido causado por imprudência do motorista da carro de passeio, que estava com três ocupantes.

Com ferimentos, dois dos ocupantes teriam sido socorridos para o Hospital Municipal de Petrolândia

Maiores informações, a qualquer momento!





Informação e fotos: Leitora do Blog
Por Blog de Assis Ramalho

domingo, 20 de janeiro de 2019

Carro capota e deixa um homem ferido neste domingo na PE-425 em Floresta-PE

Criança foi socorrida e passa bem


Um acidente deixou um homem ferido na tarde deste domingo (20) em Floresta, no Sertão de Pernambuco. A fatalidade aconteceu por volta das 17h na PE-425 a cerca de três quilômetros da zona urbana da cidade.

De acordo com informações apuradas pelo Blog do Elvis, viajavam no carro dois homens e uma criança. Todos foram socorridos para o Hospital Coronel Álvaro Ferraz, mas apenas o passageiro ficou ferido. A identificação das vítimas não foi divulgada. O homem chegou a ser transferido para outra unidade de saúde para um melhor acompanhamento do caso.

Com pouca sinalização, a PE-425 deveria estar pronta desde 2017. Iniciado o ano de 2019, a obra segue a passos lentos. A população pede por segurança e conclusão da pavimentação tão importante para a região.

Confira abaixo a galeria de fotos exclusivas do Blog do Elvis:








Por Blog do Elvis/NE10

Acidente entre carro e moto deixa duas pessoas feridas na Zona Sul do Recife

Segundo os Bombeiros, motorista do carro conversou com testemunhas e alegou ter dormido ao volante e, por isso, colidiu com a motocicleta.

Acidente no Recife deixou destruída a parte dianteira do carro envolvido — Foto: Reprodução/WhatsApp
Acidente no Recife deixou destruída a parte dianteira do carro envolvido — Foto: Reprodução/WhatsApp
Duas pessoas ficaram feridas após um carro colidir contra uma moto na manhã deste domingo (20), na Avenida Sul, no bairro do Cabanga, no Centro do Recife. O acidente ocorreu por volta das 8h15, segundo o Corpo de Bombeiros.

Ainda de acordo com a corporação, o condutor do veículo é motorista de aplicativos de transporte privado de passageiros e conversou com testemunhas que estavam no local. Segundo os bombeiros, o homem alegou ter dormido ao volante e despertou quando o carro estava prestes a subir a calçada.

Acidente na Zona Sul do Recife deixou moto destruída — Foto: Reprodução/WhatsApp
Acidente na Zona Sul do Recife deixou moto destruída — Foto: Reprodução/WhatsApp
Para evitar, o motorista disse ter puxado a direção do carro para a pista, quando colidiu com a motocicleta que passava no local. O casal da moto caiu e as duas pessoas, cujas idades não foram informadas, tiveram escoriações pelo corpo.

"Eu estava pedalando quando vi. O carro veio para cima da moto e as duas pessoas caíram. A mulher me parecia mais grave", conta o ciclista Eduardo Carlos, que presenciou o acidente.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) prestou os primeiros socorros e encaminhou as duas pessoas a uma unidade de saúde. Os bombeiros prestaram apoio durante os atendimentos.


Por G1 PE